fbpx

MAMOPLASTIA REDUTORA

O que é Mamoplastia Redutora

A mamoplastia redutora é a cirurgia plástica que visa reduzir as mamas, com o objetivo de oferecer proporções mais harmônicas entre as mamas, o tórax e todo o corpo. Também é feita a correção de algum grau de ptose. Nos casos de assimetria, estas também serão corrigidas.

 

Mamas avantajadas causam grandes problemas: dores nas costas, limitações ao fazer exercícios, e em relação à estética e à autoestima. Quando se trata da aparência física, as mulheres são mais afetadas. Por isto, a Mamoplastia Redutora é uma das cirurgias mais realizadas.

Quais as Indicações da Mamoplastia Redutora

A redução de mama geralmente é realizada por mães que sofreram mudanças significativas nos seios, após a gravidez e amamentação. Entretanto mulheres de diversas idades, inclusive adolescentes, em busca de redução e simetria,  submetem-se à cirurgia.

Em geral o procedimento é indicado para aquelas que apresentam:

  • Mamas muito grandes, desproporcionais ao corpo;
  • Dores nas costas e no pescoço devido ao peso das mamas;
  • Dificuldades em realizar atividades físicas.

 

Quais os benefícios

  • Aumento do conforto corporal;
  • Aumento da autoestima;
  • Melhora na harmonia corporal;
  • Melhora na simetria das mamas;
  • Sentimento de rejuvenescimento.
Como é o pré-operatório

O pré-operatório é iniciado em consulta médica detalhada, em que a paciente será minunciosamente examinada e serão avaliadas expectativas e possibilidades.

O médico solicitará a realização de exames laboratoriais e de risco cirúrgico. Exames de imagem também poderão ser solicitados.

Deverão ser passadas diversas informações sobre os medicamentos de uso atual, sobre possíveis alergias e se há histórico de câncer de mama na família.

 

Como é feita a Mamoplastia Redutora

A Mamoplastia Redutora pode ser ambulatorial e a paciente deve ter alta no mesmo dia. A cirurgia tem duração aproximada de três horas e  normalmente a anestesia é local com sedação.

Mamoplastia redutora

São feitas incisões nas mamas com o objetivo de remover e ou reposicionar os tecidos mamários. Pontos internos e externos são dados para garantir sustentação, modelagem e fechamento das incisões.

Em caso de presença de cistos ou nódulos, estes serão retirados e, da mesma forma que os demais tecidos extraídos, serão enviados para exame específico.

Quais são os riscos

Os riscos da mamoplastia redutora são os mesmos riscos gerais de qualquer cirurgia: infecção, sangramento e reações à anestesia.

Além disso podem ocorrer alterações na sensibilidade dos mamilos, abertura dos pontos, cicatrizes alargadas ou do tipo queloide.

Como é a anestesia da Mamoplastia Redutora

A anestesia da cirurgia de implante de prótese mamária normalmente é local com sedação venosa, podendo, também, ser realizada através de anestesia geral ou peridural, ficando muitas vezes a critério do anestesiologista.

Como é o pós-operatório

Normalmente a cirurgia não possui um pós-operatório doloroso, mas, se houver dor, deve ser controlada com os analgésicos prescritos. Algumas observações devem ser seguidas:

  • Deitar-se com o tronco apoiado em travesseiros. Não deitar de lado ou de bruços;
  • Banho ou troca de curativos, somente 3 dias após a cirurgia;
  • O sutiã deverá ser usado, inclusive para dormir, por um período de aproximadamente 60 dias;
  • Evite dirigir por pelo menos 3 semanas;
  • Não carregar peso por pelo menos 3 semanas;
  • Atividades físicas, exercitando os membros superiores, somente deverão ser retomadas após 3 meses.
 
Evolução e resultados

Logo após a cirurgia, a paciente já consegue sentir uma sensação de alívio e leveza em seu corpo. Após o segundo mês, a forma definitiva das mamas começa a aparecer. Nesta fase são comuns as variações na sensibilidade do mamilo.

É de extrema importância que a paciente siga todas as recomendações médicas e tenha calma para esperar o resultado definitivo. Cada pessoa tem seu tempo e seus limites.

Vale lembrar que a redução de mamas traz muitos benefícios a pacientes que apresentam hipertrofia mamária.

Pacientes que, além de diminuir, desejam mamas mais eretas e com resultados mais duradouros, devem considerar a Mamoplastia Estruturada, ou cirurgia plástica de redução de mamas associada a implante de silicone. Consulte o médico sobre a Mamoplastia Estruturada.

Saiba mais preenchendo e enviando o formulário abaixo.

Agende sua Avaliação

    Nome
    E-mail
    Telefone
    Qual o seu interesse?
    Mensagem